Tradução Jurídica: para que serve?

Sobre o autor

Luiz Fernando Casanova Doin

é fundador e sócio-diretor da BTS – Business Translation Services, empresa de tradução sediada em São Paulo com mais de 15 anos de existência e mais de 5.000 clientes atendidos. Formado em Administração de Empresas pela Universidade de São Paulo (USP) e em Comunicação Social com ênfase em Marketing pela Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM), é um apaixonado pela área de tradução e um estudioso do setor que procura aliar seus conhecimentos acadêmicos e experiência à prática tradutória.

A tradução jurídica é fundamental para as empresas, independentemente da sua área de atuação. Mesmo que a sua empresa não esteja envolvida em processos judiciais e trabalhistas, ela talvez precise traduzir alguns contratos, tornando o serviço de um tradutor jurídico indispensável.

No mundo corporativo, a empresa muitas vezes enfrenta em situações em que a comunicação com órgãos jurídicos é necessária. Essas situações podem envolver partes situadas em outros países, ou sua empresa pode ser internacional, exigindo a tradução jurídica de diversos documentos, realizada por um Tradutor Jurídico.

Saiba mais sobre a Tradução Jurídica e sua utilidade.

Onde a Tradução Jurídica é utilizada?

Veremos algumas situações nas quais a Tradução Jurídica não apenas é utilizada, mas é realmente necessária. Confira abaixo: 

– Crescimento da empresa 

Quando uma empresa chega no momento de ampliar seu alcance e abrir uma filial no exterior, o tradutor jurídico é um dos primeiros profissionais a ser incluído nas suas necessidades. Por conhecer os sistemas jurídicos dos dois países envolvidos, este especialista poderá traduzir a documentação conforme a exigência desses sistemas e garantir uma trajetória sem complicações. Esse já é um processo desafiador, mas você não precisa que ele traga outros problemas de comunicação.

– Processos trabalhistas

Mesmo com um departamento de recursos humanos idôneo e uma contratação correta, empresas enfrentam processos trabalhistas o tempo todo. Em empresas com unidades no exterior ou com funcionários estrangeiros, é preciso ter um tradutor jurídico para ajudar a empresa a traduzir os processos, para que a empresa se defenda e não tenha perdas. 

– Processos judiciais 

Para se defender em processos movidos por funcionários, clientes, fornecedores e outras empresas no exterior, ou até mesmo mediante uma necessidade de instaurar um processo, um tradutor jurídico é o profissional que pode ajudá-lo a fazer isso de forma segura e assegurar uma comunicação eficaz em outro idioma.

– Contratações de funcionários

A contratação de funcionários pode demandar muitos documentos, ainda mais se forem funcionários de outros países ou se o processo de contratação ocorrer fora do Brasil. Para garantir que esse processo correrá adequadamente e não gerará processos trabalhistas no futuro, o tradutor jurídico pode ser necessário, traduzindo toda a documentação e contratos de acordo com a legislação trabalhista do país de origem e de destino do funcionário ou da empresa.

Como vimos anteriormente, muitas situações podem demandar o serviço de uma empresa de tradução jurídica, por isso a BTS oferece uma área especializada com tradutores que já atuaram como advogados e especialistas jurídicos, trazendo a contextualização e os termos e jargões jurídicos corretos, que só quem já trabalhou na área conhece. 

BTS: a empresa certa para seus serviços de Tradução Jurídica

A tradução jurídica não é uma tradução qualquer, pois caso realizada por um profissional que não tenha pleno conhecimento dos sistemas jurídicos, pode trazer prejuízos legais para sua empresa. Por isso, conte com uma opção segura e contrate a BTS.

Entre em contato conosco e garanta a melhor solução em tradução jurídica!

Compartilhe esse Post:

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on pinterest
Share on email
Share on whatsapp