Tradução Técnica: o que é?

Sobre o autor

Luiz Fernando Casanova Doin

é fundador e sócio-diretor da BTS – Business Translation Services, empresa de tradução sediada em São Paulo com mais de 15 anos de existência e mais de 5.000 clientes atendidos. Formado em Administração de Empresas pela Universidade de São Paulo (USP) e em Comunicação Social com ênfase em Marketing pela Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM), é um apaixonado pela área de tradução e um estudioso do setor que procura aliar seus conhecimentos acadêmicos e experiência à prática tradutória.

Sabemos que o mercado de traduções é muito abrangente, e a Tradução Técnica é um dos seus segmentos mais importantes.

No entanto, como exatamente a tradução técnica pode ajudar você e a sua empresa? Será que ela é realmente necessária? Ela não pode ser realizada por um tradutor não especializado?

Descubra as respostas para todas essas perguntas, e outras, neste artigo!

Afinal, o que é a Tradução Técnica?

A tradução técnica é um tipo de tradução especializada que envolve a tradução de documentos produzidos por redatores técnicos, ou mais especificamente, textos relacionados a áreas técnicas que abordam a aplicação prática de informações científicas e tecnológicas. Algumas áreas exigem especificamente esse tipo de tradução, tais como: engenharia, financeira, farmacêutica, médica, tecnologia da informação (TI), propaganda, seguros, entre outras.

Para ser um tradutor técnico, o profissional precisa ter uma formação técnica. Ainda que a profissão de tradutor não exija nenhum tipo de graduação, esse tipo de tradução demanda uma formação técnica forma do tradutor. 

Tipos de Tradução Técnica

A tradução técnica pode ser ‘simples’ ou ‘juramentada’. 

– Tradução Técnica Simples:

A tradução técnica simples, é aquela que trabalha com documentos que necessitam de uma tradução contextualizada de uma área técnica, como bulas de medicamentos, artigos científicos, manuais, etc. 

– Tradução Técnica Juramentada:

Se o documento a ser traduzido precisar ser apresentado em algum processo jurídico, ele deverá ser juramentado. Isso significa que o tradutor, além de ter formação técnica, deverá ser concursado e devidamente autorizado a atuar como tradutor juramentado pela Junta Comercial do seu estado de residência.

O Tradutor Técnico

O tradutor que decide seguir especializar-se em tradução técnica deve ter formação técnica na área na qual fará suas traduções. Por exemplo, se o tradutor atuar na tradução de bulas de remédios, ele deverá ter formação técnica na área farmacêutica ou médica. 

Não basta dominar o idioma. O tradutor técnico precisa ter vivência na área que está traduzindo para saber os jargões e termos técnicos específicos.

Lembrando que o tradutor ideal é aquele que consegue traduzir o documento de maneira que quem o ler nem perceba que se trata de uma tradução. Quando isso acontece, percebe-se que não houve nenhuma ‘perda’ em relação ao texto técnico original. 

Solução em Tradução Técnica

Pode ser muito fácil encontrar uma empresa de tradução. No entanto, uma tradução técnica exige um alto grau de conhecimento, exigindo tradutores profissionais adequados para esse tipo de projeto. 

A BTS investe nos melhores tradutores técnicos e em cursos de atualização para esses profissionais. Além disso, temos tradutores que já atuaram nas mais diversas áreas técnicas (medicina, telecomunicações, engenharia, etc.) e têm experiência comprovada para traduzir documentos técnicos.

Ainda tem dúvidas sobre esse tipo de tradução? Entre em contato conosco e saiba mais. 

Estamos à sua inteira disposição. 

Compartilhe esse Post:

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on pinterest
Share on email
Share on whatsapp